Busca
    

Onda empreendedora

Edição 296

Mercado brasileiro de gestão passa por período de surgimento de diversas novas assets formadas por profissionais experientes 

O mercado brasileiro de gestão de recursos tem atravessado nos últimos meses uma verdadeira onda empreendedora, com executivos que amealharam experiência e reputação em grandes casas e resolveram, com base

Alongando os prazos

Edição 296

Busca das assets por passivos estáveis e aumento do PL gera incremento no prazo de resgate dos fundos acionários e multimercados da indústria

Com o aumento da demanda por fundos ativos de renda variável e multimercados nos últimos meses muitas assets estão optando por alongar o prazo

Risco de volta às carteiras

Edição 296

Durante ciclo de palestras sobre as perspectivas de investimento, especialistas apontam que investidores devem voltar a tomar mais risco

O 16º Ciclo Perspectivas de Investimento para o 2º Semestre de 2017, promovido pela revista Investidor Institucional entre os dias 22 e 24 de agosto, contou com a

Partnership é tudo de bom

Edição 295

Acompanhado de doze executivos, José Alberto Tovar deixa Arx e monta Truxt para seguir modelo de asset baseado em “partnership” e meritocracia

Após 16 anos à frente da Arx, gestora que montou em 2001 e vendeu para o BNY Mellon em 2008, o executivo José Alberto Tovar

Mudança na indústria

Edição 295

Alteração na tributação dos fundos fechados deve movimentar mercado, com possível impacto positivo para previdência aberta

A proposta do governo de alterar a tributação dos fundos fechados, que deixariam de ser taxados somente nos momentos de saque ou encerramento e se igualariam ao formato dos fundos abertos,

Novas oportunidades

Edição 295

Saída de grandes bancos da administração de estruturados abre caminho para gestores buscarem novos players mais especializados

A restrição de grandes bancos em fechar negócio com gestores independentes para fazer a administração fiduciária de fundos estruturados abriu uma oportunidade para casas menores surgirem e se especializaram nesse

No rastro dos grandes devedores de crédito

Edição 294

Gestores esperam aquecimento do mercado de ativos estressados no segundo semestre de 2017

A recessão econômica brasileira dos últimos dois anos promete manter aquecido, provavelmente ainda por um bom tempo, o mercado de créditos podres. Os grandes bancos, assim como gestores de recursos, vêm aumentando sua participação

VídeosOnline

Mais lidas de Investidor Institucional em 3 meses

Mais lidas de InvestidorOline em 1 mês