Busca
    

BofA reduz projeção para crescimento do PIB em 2018 de 3% para 2,1%

16-05-2018 - 13:07:58

 

O Bank of America Merrill Lynch reduziu de 3% para 2,1% sua projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil em 2018. A revisão vem logo após a divulgação do IBC-Br de março divulgado nesta quarta-feira, 16 de maio, pelo Banco Central, uma espécie de prévia do PIB, que apresentou retração de 0,74% e veio pior do que o esperado pelos especialistas do BofA, que projetavam queda de 0,30%. “O IBC-Br sugere uma recuperação econômica mais fraca do que o esperado no início deste ano”, aponta o relatório do banco assinado por David Beker e Ana Madeira. No dia 11 de maio o Itaú também reduziu sua estimativa para o PIB em 2018, de 3% para 2%.

Os especialistas do BofA escrevem que o principal fator levado em consideração para a alteração na estimativa foi a piora nas perspectivas de crescimento do consumo privado, “que esperamos ser o maior impulsionador da recuperação econômica dado seu peso importante dentro do PIB. Eles lembram também que a taxa de desemprego surpreendeu negativamente nos últimos meses, aumentando em 1,3 ponto percentual desde janeiro, atingindo 13,1% em março.

“As condições de crédito também se recuperaram em ritmo mais lento do que o esperado. Além disso, continuamos a esperar que o crescimento do investimento permaneça moderado, dada a incerteza das eleições presidenciais deste ano”. No relatório os profissionais do BofA lembram ainda das decepções com o desempenho abaixo dos prognósticos da produção industrial, das vendas no varejo e do setor de serviços.

“Apesar da revisão negativa da nossa previsão de crescimento do PIB para 2018, em meio a uma recuperação econômica mais fraca que o esperado, esperamos que o PIB suba este ano no ritmo mais forte desde 2013”. Beker e Madeira acreditam que os efeitos defasados do afrouxamento monetário deverão impulsionar a atividade econômica ao longo do ano, o que os leva a manter a projeção de 3,5% para o crescimento do PIB em 2019.


VídeosOnline

Mais lidas de Investidor Institucional em 3 meses

Mais lidas de InvestidorOline em 1 mês