Busca

Fundo de pensão dos EUA ganha processo coletivo contra fábricante de dispositivos de navegação

20-04-2017 - 14:28:23

 

Um processo de ação coletiva contra a Harman International Industries, liderado pelo Fundo de Pensão dos Funcionários Públicos da Arkansas (Apers, na sigla em inglês), foi resolvido na última quarta-feira com a companhia concordando em pagar US$ 28,25 milhões para resolver reclamações de investidores induzidos a erro em relação ao potencial de negócios do seu dispositivo pessoal de navegação.

A ação coletiva representou investidores que compraram ações da Harman entre 26 de abril de 2007 e 5 de fevereiro de 2008. A diretora executiva da Apers, Gail Stone, disse em um comunicado que a decisão ocorreu "depois de um longo e duro litígio". O caso já tinha sido encerrado, mas a decisão foi revertida em junho de 2015 pelo Tribunal de Apelações dos EUA para a Região do Distrito de Columbia. Após essa reversão, Harman pediu à Suprema Corte que a revisse, mas não teve êxito.

O advogado Steven J. Toll, que co-preside a prática de proteção a investidores, disse que o tribunal de apelações considerou que as declarações feitas por funcionários da empresa não continham "significativas margem de cautela" que dariam um porto seguro ao investidor. "O tribunal de apelações reconheceu que as declarações não podem ser consideradas como tendo significativa margem de cautela quando as advertências se relacionam com riscos que já ocorreram, ou são enganosas", disse Toll em um comunicado.

A Harman International Industries foi adquirida pela Samsung Electronics em março, informa a publicação Pension & Investment.


VídeosOnline

Mais lidas de Investidor Institucional em 3 meses

Mais lidas de InvestidorOline em 1 mês